Eu quero ser feliz

Image and video hosting by TinyPic

sábado, 28 de maio de 2011

CCZ/SP '"ADOTADOS MAIS DE 80 ANIMAIS".....NA FESTA DE HOJE...FELICIDADES PARA ELES NOS NOVOS LARES



Ao menos 45 gatos e 39 cachorros foram adotados na
feira organizada pelo Centro de Controle de Zoonoses
neste sábado (28) em Santana, na Zona Norte de São Paulo.
O número foi considerado recorde em feiras feitas pelo centro.
Os participantes puderam realizar um “test-dog”
antes de se decidir por levar para casa um bichinho de estimação.
No test-dog, os candidatos a adotantes puderam fazer
um passeio, dentro das dependências do CCZ,
para identificar afinidades com os animais.
"Esse contato pode fazer a diferença para muitos
cães e gatos que estão esperando por uma família",
disse Ana Claudia Furlan Mori, gerente do CCZ.
A feira de adoção teve por objetivo sensibilizar a
população para a importância da adoção de cães e gatos.
Os animais foram vacinados, esterilizados, microchipados,
tratados contra pulga e carrapato e vermifugados.
Neste sábado, foram comemorados também os dois anos
do projeto "Cãominhada - um pequeno gesto humano
que faz grande diferença para os animais", no qual
voluntários doam parte de seu tempo nas manhãs de
domingo para passear com cães abrigados nos canis,
promovendo assim o bem-estar dos animais.

Como nem todos os 400 animais abandonados ganharam
um novo lar, quem quiser adotar um bicho pode ir até o
Centro de Controle de Zoonoses de segunda a sábado,
das 9h às 17h. O centro fica na Rua Santa Eulália,
86, em Santana (perto do Campo de Marte).

Interessados em adoção terão a disposição cães e gatos de todos os tipos
Tiziana DiTullio/Divulgação









































































































































































































































quarta-feira, 25 de maio de 2011

Ela é uma "Vereadora" porque votaram nela...

fonte Jornal HOJE EM DIA R7


Vereadora mineira lança projeto de lei para matar animais de rua

Se o dono não aparecer em 48 horas, o animal seria sacrificado, segundo Silvia Fernandes de Almeida


A vereadora Silvia Fernandes de Almeida, da cidade de São João del-Rei (MG), gerou polêmica, na última sexta-feira (20), ao defender que animais encontrados na rua sejam sacrificados. Ela diz acreditar que o projeto de lei faça a sociedade refletir sobre problema.

Segundo ela, o dono do animal teria 48 horas para buscá-lo no controlo de zoonose. Caso isso não acontecesse, o bicho seria sacrificado

As declarações deixaram muitas pessoas revoltadas, especialmente as sociedades de proteção aos animais.

No ano passado, a vereadora foi processada por discriminação racial contra vereador da câmara. A Justiça determinou que ela pagasse R$ 5.000, valor que foi revertido em cestas básicas distribuídas para entidades assistenciais.


Isso é ADESTRAMENTO? Ou COVARDIA?

Suspeito foi flagrado por policiais civis 

surrando um cão pastor no Jardim 

Nova Europa, em Campinas



Pastor alemão que estava sendo agredido no momento do flagrante policial
(Foto: Hélio Pavan/Divulgação)


ESSA CARINHA COM CERTEZA NÃO FOI POR TER RECEBIDO CARINHO...

O dono do centro de adestramento e locação Cães em Férias,
Paulo Fernando Correia,
41 anos, foi detido e levado para a delegacia do Setor de Proteção aos Animais e
Meio Ambiente de Campinas, na tarde desta quinta-feira (19),
após ser flagrado por policiais da Delegacia de Investigações Gerais
(DIG) batendo em um pastor alemão com um
chicote de couro no interior do estabelecimento no Jardim Nova Europa.
Segundo o investigador do Setor de Furtos e Roubos de Veículos da DIG,
Helio Pavan, a equipe passava pelo local, na Avenida São José dos Campos,
quando ouviu o que parecia ser gritos. 'Pensamos que podia ser um assalto e
quando chegamos vimos ele dando chicotadas nas costas e nas ancas do cão
que estava amarrado a um poste e os dois funcionários ao lado,
assistindo e rindo', contou.
Segundo os policiais, no momento da abordagem havia um outro pastor no
local e a suspeita é de que ele também tenha sido vítima de agressão.
No interior do centro, haviam cerca de 25 cachorros de grande porte,
entre rottweilers, pastores, são bernardo e mastim, separados em baias.
Segundo a delegada, Rosana Vescovi Mortari, foi constatado que o
espaço destinado aos cães era inadequado, que as baias eram pequenas,
a limpeza precária, não havia água para os cachorros, nem isolamento
no chão contra o frio ou contato com a urina.
'Haviam cerca de 25 cachorros de grande porte, todos em
situação de maus tratos.
Além disso, até as gaiolas usadas para o transporte em carros
eram extremamente pequenas para cães daquele porte', afirmou a
delegada. Um veterinário e uma equipe de peritos foram
acionados ao local.
Correia e os funcionários E.R.S., 28, e J.J.S., 24, foram levados para
delegacia onde foi feito um Termo Circunstanciado de Ocorrência.
Eles responderão em liberdade pelo crime de maus tratos contra animais,
cuja pena, segundo a delegada, é de três meses a um ano de reclusão.
Um chicote e um cacetete de couro usado para bater nos cães foram
apreendidos pela polícia. Os cachorros também foram apreendidos,
mas ficarão depositados no local - isto é o dono não poderá dispor dos
animais - até que seja encontrado um espaço adequado para levá-los,
em virtude da quantidade de cachorros.
'Também temos, ao que parece três cães de outros donos que estavam
ali para serem adestrados e, nesses casos, os proprietários serão
chamados na delegacia, ouvidos e os cachorros entregues para eles',
explicou Rosana.
Segundo a delegada, já havia denúncias contra o local de maus tratos
que estão sendo investigadas. 'Esse caso não vai parar por aqui.
Temos denúncias que já estão sendo apuradas. Hoje (19/05) ocorreu
uma coincidência de a equipe estar passando pelo local e ver
o cão sendo agredido', explicou.
Segundo ela, a empresa está com alvará vencido desde 2008 e
não possui permissão para a guarda de cães no local. De acordo com
a delegada, será encaminhado para a prefeitura e órgãos competentes
ofícios a respeito do alvará vencido. A Agência Anhanguera esteve no
centro, mas ninguém quis comentar o caso.

 QUE FORMA IDIOTA DE ADESTRAR.
OU ELE QUER MOSTRAR FORÇA?

Não sei quem é PIOR este idiota, ou aqueles que
o contrata, para ensinar seus cães?

terça-feira, 17 de maio de 2011

Jornalismo da Rede Record...do lado dos animais.

Apesar de ser crime previsto em lei, o abandono 
de animais é bastante comum. Na cidade de 
São Paulo já existem mais de um milhão de 
cães e gatos abandonados.

terça-feira, 10 de maio de 2011