Eu quero ser feliz

Image and video hosting by TinyPic

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Cão acorrentado.



“Cão acorrentado”
Francisco Theisen


Prender a uma corrente um cão...
E a uma gaiola um passarinho...
É o mesmo que ouvir um não...
De quem se ama com carinho.
Mas neste caso a liberdade é a prisão...
Com grades de desprezo e solidão.

Nota: Aproveito o momento para reafirmar o meu repudio à aqueles que aprisionam os pássaros em gaiolas e os cães em correntes.
Se tivesse tais pessoas a capacidade de enxergar e vivenciar a tristeza que se oculta no instinto desses seres quando aprisionados, jamais cometeriam esta crueldade. Sempre me refiro aos pássaros como os interpretes das canções compostas pelo Criador Maior e que por tanto merecem a liberdade para propagar a beleza de suas melodias. Quanto aos cães, seus ancestrais lobos viveram livres pelas campinas, montanhas e vales assimilando em seu existir a beleza da liberdade. Se ao passar dos anos tornaram-se co - habitantes de nossos lares, precisam sem duvida se adaptarem ao nosso viver, mas nunca devemos acorrentá-los ao invés disso devemos lhes proporcionar um canil digno de abrigar aqueles que afinal dizemos serem nossos melhores 

Extraido do blog:  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por visitar e deixar seu comentario
Silvia (amorcao)